DIÁRIO DE VIAGEM: JERICOACOARA 2017

Oiee!! Tudo bem com vocês?

Hoje vim contar pra vocês um pouquinho da minha viagem para Jericoacoara desse ano. Na minha família virou tradição, nos últimos anos tiramos uma semana de férias e vamos conhecer um pedacinho do nordeste do Brasil. A primeira vez foi Fortaleza e arredores, depois saímos de Fortaleza e fomos até os lençóis maranhenses e ano passado de Fortaleza até Natal. Todos esses lugares são paisagens diferentes, clima maravilhoso e acende um amor ainda maior pelo nosso país. Acho que já deu de perceber que gostamos de lá né? Hahahaha É que cada ano vamos descobrindo novas coisas para fazer!

Em 2015 havíamos visitado Jericoacoara bem rapidinho (até contei aqui no blog). A vila nos impressionou demais e nesse ano decidimos voltar com mais tempo para explorar cada cantinho. Parece que conhecemos um novo lugar!

Saímos de Blumenau na sexta (21/07) e nosso voo era até Fortaleza (dica: agora já tem aeroporto em Jericoacoara, compensa demais se esse for o único destino da viagem). Chegamos em Fortaleza no fim da tarde, passeamos um pouquinho pelo centro e a noite dormimos em Flecheiras. No sábado passeamos por essa parte do litoral que é linda e após o almoço começamos o caminho até Jeri.

De Fortaleza à Jericoacoara são cerca de 300 km, mas pode levar umas 5 horas para chegar até a vila. Nosso guia foi passando pelas praias, subimos dunas e encontramos lugares lindos, como os abaixo:

Chegamos no fim de tarde em Jericoacoara, jantamos e a noite decidimos conhecer o tradicional forró! Gente, que experiência incrível. Eu estou numa fase da vida que amo festinhas (hahah), então achei muito divertido. Foi algo completamente diferente do tipo de festa que eu vou, casais dançando e também vários turistas curiosos. Como era sábado, naquela noite era o Forró da Dona Amelia, o lugar é um restaurante e depois das 23:30h é que começa a festa. A entrada foi R$ 20,00. Vale a pena conhecer! Ah, cada dia o forró é em um lugar diferente, só se informar pela vila.

Outra dica da vida noturna de Jeri são as barraquinhas de caipirinha na beira da praia. A variedade é enorme, só escolher! Alguns dias da semana tem DJ tocando música por ali e o lugar lota. O bom é que fica ao ar livre e não precisa pagar para participar.

O dia seguinte foi livre e passamos na praia. É possível alugar cadeiras e guarda-sol. No fim do dia, subimos a Duna do Pôr do Sol para acompanhar o fim de tarde. Lá em cima venta muito, ou seja, areia voa toda em você (não adianta ir depois do banho ou arrumadinho porque sai de lá empanado kkkkkk) mas compensa demais. Sem dúvida o pôr do sol mais lindo que eu já vi na vida. É atração turística, a duna fica lotada!

Na segunda-feira tínhamos o primeiro passeio programado, saímos para o lado oeste, fizemos o passeio para ver os cavalos marinhos de barco, mangue seco até chegar em Tatajuba para almoçar e ficar até o fim do dia. Lá tem um escorregador que cai dentro da lagoa (R$ 10,00 para descer 3x) e stand up e caiaque para alugar. O restaurante é uma delícia (vou fazer um post contando as dicas mais específicas de onde comer/hospedar/etc).

Duas curiosidades: por ser no meio das dunas, não tem energia elétrica no local. Então, nosso suco de abacaxi, por exemplo, não foi feito no liquidificador e sim na mão mesmo! Outra coisa é que quando pedimos o cardápio, surgiu o garçom com os peixes/camarões/lagosta em uma travessa hahahah, era só escolher o que queria, ao vivo mesmo.

No dia seguinte, turistamos para o lado leste. A primeira (e mais longa) parada foi na Lagoa do Paraíso. Passamos praticamente o dia todo lá em um Beach Club chamado Alchymist. Já havíamos visitado a lagoa na viagem antiga, mas parecia que estávamos em um local totalmente diferente. Esse Beach Club é muito bem estruturado e gigante, totalmente direcionado para turistas. O preço é um pouco mais salgado, mas vale a pena passar o dia. É lá que tem as redes dentro da lagoa e a água super transparente cheia de peixes. Além disso também é possível alugar stand up e caiaque. Saímos de lá umas 15h e passamos pela Lagoa Azul, Praia do Preá e Árvore da Preguiça.

Os outros dias tínhamos livres e faltava só a Pedra Furada para finalizar os pontos turísticos. A maioria dos passeios ao fazer o lado leste também já param ali, mas a dica é ir até lá do centro de Jeri caminhando ou de charrete. Os carros acabam deixando numa distância bem longa da Pedra e é quase a mesma de andar do centro. A diferença é que andando do centro, além de não perder um tempo que poderia estar nas Lagoas, por exemplo, a vista pela praia é simplesmente maravilhosa! A caminhada é razoavelmente cansativa, mas vale MUITO a pena. Para quem não quiser andar tanto, as charretes chegam muito mais perto da pedra do que os carros ou bugues. E se quiserem uma dica ainda melhor, em determinadas épocas do ano o sol se põe bem no meio da pedra e é sensacional, eu acabei não indo – bobiei – e me arrependi. Fica a dica!

Essa foto do pôr do sol na Pedra Furada nossos amigos que tiraram, maravilhoso né? Eu vi o pôr do sol quase todos os dias e fiquei emocionada, vale a pena ver mesmo que da praia.

Gente, e esse céu azul? E a cor dessa água? Sem palavras!!

Jericoacoara tem um clima incrível, as ruas são todas de areia, tem uma vibe deliciosa e eu fiquei ainda mais apaixonada. Sem dúvidas voltarei.

No meu Instagram eu fiz um mini vídeo com alguns momentos da viagem:

Saudades desse paraíso 💛 #tbt

A post shared by Ana Caroline Cunha (@aneinha) on

 

Gostaram do post?

Beijos,

Ana Caroline

RHAPSODY OF THE SEAS: CONHECENDO O NAVIO

Oi, meninas!
Como vão?

Bom, um assunto que vai render alguns posts por aqui é o cruzeiro que eu fiz no final do ano passado. Hoje, para começar, vou contar um pouco sobre o navio em que viajamos, o Rhapsody of the Seas, da Royal Caribbean.

Rhapsody of the Seas

Na hora de selecionar o cruzeiro que faríamos, levamos mais em consideração os destinos em que pararíamos do que o próprio navio, pois como não conhecíamos nenhum, não tínhamos como saber qual era melhor, etc… Selecionamos então o Rhapsody sem conhecer muito bem ele, mas acabamos adorando!

Nosso cruzeiro teve a duração de 7 noites e passamos pelas cidades de Punta del Este, Buenos Aires e Montevideo, além de ficarmos três dias inteiros navegando. Esse roteiro é super legal, vale a pena fazer! Mas vou contar um pouco mais sobre nossa experiência em outros posts, pois o foco hoje é o navio!

O Rhapsody of the Seas não é um dos maiores, mas tem tudo o que precisamos. Ele pertence a classe Vision da Royal, e conta com 11 decks recheados de coisas legais!

Rhapsody of the Seas

Para diversão durante o dia, são duas piscinas com água salgada, uma interna e uma externa, seis jacuzzis, uma parede de escalada (parece fácil, mas é difíííicil!), pista de caminhada e academia. Além das atividades que acontecem em diversas áreas do navio.

Rhapsody of the Seas DCIM101GOPRO

Rhapsody of the Seas
Rhapsody of the Seas

IMG_2366

Para a noite, o principal entretenimento é o Casino Royale! Ele é muito bonito e oferece desde caça-níqueis até jogos de mesa como Black Jack, roleta, Poker, etc… Acontecem também festas no Viking Crown Lounge (tipo a baladinha do navio) e festas temáticas no Centrum dependendo do cruzeiro, além de outras atividades como dinâmicas e até karaokê! O Rhapsody também conta com um teatro lindo, onde acontecem apresentações todas as noites!

Rhapsody of the Seas

 

Rhapsody of the Seas

Rhapsody of the Seas

Rhapsody of the Seas

Para quem gosta de comprar, algumas lojinhas fazem nossa alegria! São produtos diversos, desde perfumes, maquiagens, até relógios de grifes, bolsas, jóias, souvenirs, etc… tem muita coisa! E o bom é que todo dia tem uma promoção diferente para a gente aproveitar! No Rhapsody são quatro lojas: uma que vende bebidas e comidinhas importadas (tipo de free shop mesmo), outra da Royal que vende coisas deles, roupas de marcas como Tommy Hilfiger e Nautica, bijuterias, relógios, etc…, uma perfumaria e uma boutique com bolsas e óculos de grife, além de jóias de marcas famosas (e caras!).

 

Sobre alimentação, apenas elogios! O navio conta com três restaurantes que tem as refeições inclusas no pacote: o Windjammer (um restaurante de buffet bem informal que serve todas as refeições sem reserva), o Edelweiss (um restaurante a la carte mais formal que serve café da manhã, almoço e jantar, mas precisa de reserva apenas para a noite) e o Park Cafe (uma opção para quem quer algo bem rápido e mais “gordo” como hamburguers e cachorro quente, por exemplo). Além deles, existem os restaurante de especialidade, como um italiano e um japonês, por exemplo, mas a não ser que você faça questão de alguma dessas comidas, não vale a pena pagar a mais pois o Edelweiss tem pratos muito bons que já estão inclusos!

Rhapsody of the Seas

Rhapsody of the Seas

Sobre as cabines, a nossa era uma interna grande, mas que de “grande” não tinha nada! haha. Ela é bem pequena, mas dá para se organizar e pelo tempo que passamos lá dentro, não precisava ser maior.

Rhapsody of the Seas Rhapsody of the Seas

Espero que as informações sejam úteis, já que para mim, foi muito difícil encontrar esse tipo de coisa antes de viajar!

Beijos,
Carol-Borba

VESTIDO ÉTNICO – LOOK DO DIA

Oi, meninas!! Quanto tempo de novo, ein? Essa correria acaba com a gente :/ Mas vamos levando… devagar, mas vai!

Bom, o look do post de hoje está aqui para ser postado há muito tempo. Agora, finalmente, ele vai sair!

Lembram do último que mostrei aqui? Então, esse usei no mesmo dia, em um daqueles momentos em que dá a louca e queremos usar tudo o que temos de novo, sabem? Haha. Aproveitei o solzinho e decidi que usaria esse vestido étnico fofo para ir ao shopping.

A estampa étnica dele está super em alta e todo mundo já sabe o porquê (oi, boho style). A coloração em p&b deixa ele mais discretinho, mas mesmo assim fica lindo por si só, sem precisar de outros complementos.

Como acessórios apostei em uma duplinha que não sai mais do meu pescoço. Prateados com pedras pretas eles são básicos, mas quando se encontram com uma peça diferente, ficam lindos!

Nos pés, aproveitei as mesmas gladiadoras do look que havia usado mais cedo, e deu super certo!

O que acharam?

vestido étnico vestido étnico-horz vestido étnico vestido étnico vestido étnico

Beijos,
Carol-Borba

VESTIDO FLORAL – LOOK DO DIA

Gente, o que é esse calor fora de época? Aqui no sul os dias já estão bem quentes, até com cara de verão! No sábado além do calor o sol também resolveu aparecer por aqui, então claro que aproveitei o clima para usar um  vestido floral fresquinho. Eu amo o inverno, mas quando penso na praticidade que é se vestir para o verão, confesso que passo a gostar mais do calor haha.

Para sair para almoçar, escolhi um vestido da Doce Trama (sou suspeita para falar sobre, mas adoro ele!), da nova coleção de Primavera. Ele tem uma estampa maravilhosa, super floral, a cara da primavera. Os acessórios escolhidos foram dourados. Combinei um colar curtinho com um mais comprido. Nos pés, escolhi sandálias gladiador brancas, que vão aparecer muito por aqui.

O look é bem básico e fácil, mas adorei como ficou e vou repetir com certeza!

 

vestido floral

vestido floral

vestido floral

vestido floral

O vestido é Doce Trama!

DIÁRIO DE VIAGEM – JERICOACOARA – DIA 1

Oiii gente!! Tudo bem?

Mais um diário de viagem começando aqui no blog! Quem acompanha a gente no Insta (@blabladodia) já viu que eu fui pro Nordeste no feriado de Corpus Christi. Ficamos viajando por uma semana e passamos pelo Ceará, Piauí e terminamos no Maranhão. A viagem foi incrível e vou contar detalhadamente pra vocês 🙂

Saímos de Blumenau na quinta-feira e o primeiro dia foi só de viagem. Desembarcamos no aeroporto de Fortaleza já era fim da tarde e pegamos o carro até Jericoacoara, cerca de 4 horas de viagem.

Como quem planejou a viagem toda foi meu pai, não tinha muita noção do que ia ser, tinha pesquisado um pouco mas nem imaginava o que era Jericoacoara. Achei no site deles uma definição muito legal e que descreve exatamente o lugar:

Jericoacoara é um Parque Nacional localizado a 300 km a oeste de Fortaleza. Reúne um conjunto de belezas naturais de diferentes biomas criando um lugar único. […] A vila não possui postes de iluminação para preservar a iluminação proveniente da lua e das estrelas, as ruas são de areia e não existe estrada de acesso nos últimos 15 km, portanto é necessário veiculo 4×4 para chegar.

http://www.portaljericoacoara.com.br/

A cidade foi uma verdadeira surpresa pois é bem diferente da minha realidade. Lá é tudo muito simples e aconchegante. Como estávamos muito cansados da viagem, demos uma voltinha e escolhemos um lugar para jantar. Os restaurantes de lá são maravilhosos! Comemos muuuuito bem. Nesse primeiro lugar (que esqueci o nome hehehe) pegamos um prato com peixe, camarão e lagosta! O preço acessível e o sabor delicioso. Inclusive, voltamos no dia seguinte para almoçar de tão delicioso.

No dia seguinte, começamos os passeios. Estávamos com uma 4×4 e fomos passeando por meio das dunas até chegar na Lagoa do Paraíso! Que lugar delicioso, não tenho nem palavras para explicar. A água é transparente, o dia estava lindo, tem várias redes no meio da água e mais uma vez comida muito boa! Ficamos lá um tempão.

Saímos no começo da tarde para ir na famosa Pedra Furada. Antes paramos para tirar foto na árvore da preguiça, que vocês vão ver nas fotos ali embaixo.

Para chegar na Pedra Furada, precisa caminhar um trechinho que parece meio longo considerando o calor do nordeste hahah. E sincesamente, achei meio sem graça, só porque virou um ponto turístico mesmo, só fomos lá bater fotos.

Voltamos para a pousada, descansamos um pouco e fomos dar uma volta em Jeri a noite! O lugar é muito legal e diferente, ficamos todos impressionados, tem bastante restaurante e opções para se divertir. Fuçamos pelos “becos” e nos apaixonamos mais ainda. Jantamos numa pizzaria nesse dia.

Vamos as fotos:

BLOG

Até então, achávamos que era nosso último dia por ali pois sairíamos cedo no outro dia para o próximo destino. Mas isso fica para o próximo post hahahah!

Beijos,

ana-caroline

 

LOOK DO DIA – SAIA ESTAMPADA

Oi, meninas!

Na semana passada eu e a Ana fomos conferir a reinauguração da loja Petit Poupee (lembram que já falamos dela bem no comecinho do blog? Ela continua linda!) e para o look resolvi apostar na minha saia favorita do momento (já mostrei um look com ela aqui)!

A saia é super justinha e tem uma estampa linda, que mistura listras e flores. Desde que a comprei só penso nela para compor looks com saia mais arrumadinhos e tem dado super certo! Para a parte de cima escolhi uma regata branca bem soltinha, já que quando uso uma peça muito justa, gosto de combiná-la com outra solta para equilibrar o look.

Nos pés decidi usar minhas sandálias guerreiras, que já apareceram milhões de vezes por aqui. Como acessório, escolhi um colar prateado com detalhes verdes bem comprido e adorei como ele ficou sobre a blusa.

Look do dia | Saia Estampada | Blá Blá do Dia

Look do dia | Saia Estampada | Blá Blá do Dia-horz

Look do dia | Saia Estampada | Blá Blá do Dia-horz

Look do dia | Saia Estampada | Blá Blá do Dia

O que acharam desse look do dia?

Beijos,
Carol-Borba

SERENA’S DREAMS HOMEWEAR

Olá meninas! Tudo bem?

Hoje venho apresentar uma marca de homewear para vocês! A Serena’s Dreams é a nossa primeira parceira de 2015 e estamos felizes de compartilhar a experiência com vocês.

A empresa já tem uma história de 10 anos no ramo de homewear e agora decidiu investir pra valer na marca própria que oferece beleza, qualidade e conforto. Pensando nisso e com muito amor por toda a equipe, produzem peças que são puro conforto, ainda mais pra uma boa noite de sono.

Eu recebi um pijama de verão (estava precisando kkk) e amei porque é super molinho, leve, com detalhes fofos e fresquinho. Perfeito para as altas temperaturas que temos enfrentado por aqui né?!

Selecionei mais alguns modelos para vocês terem ideia do que a marca propõe. A Serena’s Dreams tem modelos desde gestante, plus size e teen! Para conferir mais opções é só entrar no site deles e curtir a página no Facebook.

serenasViram que fofura o que eu ganhei? Amei a estampa, a combinação com o poá e a rendinha em forma de coração <3 Junto veio uma sacolinha na mesma estampa, adorei a ideia para levar o pijama em viagens!

Também já estou apaixonada pela coleção de Inverno 2015 que segue a mesma linha com estampas fofas e conforto!

Vocês podem encontrar a marca na Itoupava Central, Margem Esquerda, rua Gustavo Zimermann, n°310, próximo ao Posto RG, ou obter mais informações no Facebook.

Beijos,

ana-caroline

 

ECHARPE NO VERÃO? SIM!

Usar echarpes no verão e na primavera é uma coisa que quero muito começar a fazer. Nessa temporada usei apenas uma vez (ia postar o look aqui, mas naquele dia inventei de usar a franja de um jeito diferente e as fotos ficaram horríveis), mas estava louca para usar mais. Acho super charmosos looks com cara de verão que são complementados com essa peça. Além disso, com uma echarpe é desnecessário o uso de qualquer outro acessório.

Claro que usar uma echarpe no calor de quase 40º que temos em várias regiões do Brasil é bem complicado (IMPOSSÍVEL), mas se você tiver um compromisso mais arrumadinho em um local com ar condicionado, ou se o look for usado até mesmo para o trabalho, é uma boa ideia!

A principal dica para conseguir usar echarpe no verão é combiná-la com peças super fresquinhas, como shorts e regatas ou vestidos curtinhos. Outra dica fundamental é a forma de usar a echarpe: soltinha por trás do pescoço, esqueça dar mil voltas nela. A estampa da echarpe também é importante! Quanto mais florida e colorida, mais a cara do verão!

Por fim, lembram do look que ia postar mas desisti? Então, ele está no final da montagem abaixo, junto com outro que usei em Miami no outro ano. O que acham? Me contem se vocês também usariam!

Echarpe

Beijos,

Carol-Borba

LOOK DO DIA: BATA P&B

Oi, meninas!

Hoje tem mais um look por aqui, esse ainda do ano passado haha.

Fui ao cinema assistir Operação Big Hero (muito fofoooooooo) na semana passada e escolhi um look bem basicão mas com uma peça que estou amando: essa batinha p&b (posso chamar ela de bata, né?). O look em si não tem nada de super diferente, só combina um shorts justinho com uma blusa mais larga, e esse contraste que deixa ele interessante.

Para ficar tudo p&b, escolhi um shorts jeans branco meio destroyed, o que também contrasta com a bata, já que ela é bem comportadinha. Nos pés, escolhi uma sandália de salto preta para diversificar um pouco, pois na praia passo 99% do tempo de chinelo ou com rasteirinhas haha. O único acessório escolhido foi o brinco de argola, que completou esse estilo meio relax do look.

Look do dia | Bata | Blá Blá do Dia Look do dia | Bata | Blá Blá do Dia Look do dia | Bata | Blá Blá do Dia Look do dia | Bata | Blá Blá do Dia
Look do dia | Bata | Blá Blá do Dia

O que acharam?

Beijos,

Carol-Borba

LOOK DO DIA: MACACÃO LISTRADO

Oi, meninas!
Como passaram o Natal?

O meu foi bom, mas não é o look da ceia que vim mostrar hoje, não. Esse look usei na segunda-feira à noite para fazer as comprinhas de última hora (e aproveitar para conhecer a parte nova do Balneário Shopping que inaugurou há pouco)!

Como na praia a maioria dos dias passamos de shorts jeans e blusinhas básicas, nesse dia me empolguei com o passeio e decidi inaugurar um macacão maravilhoso (estou apaixonada por macacões e macaquinhos <3) que comprei recentemente. Ele é super larguinho, leve e ótimo para o verão! Além disso, a padronagem listrada é diferente de qualquer outra peça que eu tenho.

Como as cores são bem suaves, ele não se torna uma peça tão chamativa, já que o tecido é delicado e a modelagem também. Para manter a suavidade, optei pelas sandálias brancas e douradas nos pés e nenhum acessório, deixando tudo por conta do macacão!

Look do dia | Macacão | Blá Blá do Dia

Macacão: Bershka | Sandália: Liberte

Look do dia | Macacão | Blá Blá do Dia-horz
Look do dia | Macacão | Blá Blá do DiaLook do dia | Macacão | Blá Blá do Dia-horzLook do dia | Macacão | Blá Blá do Dia Look do dia | Macacão | Blá Blá do Dia

E aí, o que acharam? Eu estou apaixonada por ele!

Beijos,
Carol-Borba